TORNE-SE MEMBRO DA SPTF

Todos os associados podem usufruir dos direitos de participação nas atividades promovidas pela STF, bem como apresentar propostas de caráter científico à Direção da STF.

Os membros associados da SPTF têm o direito de:

  • eleger e ser eleitos para os órgãos sociais da STF, nos termos do regulamento interno;

  • interpor recurso para a Assembleia-Geral sobre deliberações da Direção;
  • participar e ter direito de voto nas Assembleias gerais

Os membros associados da SPTF beneficiam de:

  • Acesso à área restrita de membro do site da SPTF
  • Utilização exclusiva do cartão de membro associado da SPTF;
  • Acesso a formações, ao longo do ano, exclusivos a Associados;
  • Preço especial no Congresso da SPTF;
  • Preços especiais em todas as formações da SPTF;

  • Descontos Especiais na aquisição dos produtos comercializados pelos parceiros da SPTF;
  • Descontos na inscrição em Cursos e outros Eventos de Formação organizados pelos parceiros da SPTF;
  • Apoio ético à investigação;
  • Condições preferenciais de participação em atividades da SPTF;
  • Acesso a informação exclusiva aos associados;
  • Convite para participar em Reuniões Científicas em diferentes domínios da Terapia da Fala que sejam do seu interesse;
  • Possibilidade de participar em estudos científicos em desenvolvimento com a colaboração da SPTF;
  • Possibilidade de obter parecer cientifico pelos Departamentos Científicos.

Consulte os nossos estatutos e o nosso regulamento.

Mensagem da Presidente aos Estudantes

Caro estudante do ensino superior:

É com absoluta consciência que o ensino superior é, e deve ser, exigente que a Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala decidiu abrir aos estudantes do ensino superior a possibilidade de se tornarem associados SPTF.

Durante os anos de formação vários são os desafios! O período em que o jovem adulto adquire a sua formação superior caracteriza-se por ser uma fase rica, não só devido à grande capacidade para aprender, mas também por exigir um amadurecimento global, enquanto pessoa que é confrontado com a necessidade de tomar decisões determinantes para o resto da sua vida. Torna-se necessário delinear objetivos a longo, médio e curto prazo, planificar o tempo estabelecendo hierarquia nas prioridades, cumprir horários, ter bons hábitos de saúde e também não esquecer as atividades de lazer e convívio, tão importantes para o desenvolvimento de competências pessoais.

Abraçar a profissão de estudante do ensino superior é desempenhar uma profissão exigente, envolvente e desafiante, que deixa sempre saudades quando se passa à fase seguinte, qualquer que seja a natureza desta.

Nesta fase da vida do estudante as instituições de ensino superior contribuem para o desenvolvimento de capacidades de análise e de raciocínio, para a aquisição de hábitos de reflexão e resolução de situações potencialmente problemáticas onde se usa o raciocínio dedutivo e se promove e desenvolve a criatividade cultivando sempre o espírito de iniciativa. Assim, é imperativo que o estudante se envolva de forma ativa no processo de aprendizagem, escutando mas refletindo e questionando, pesquisando, sugerindo, quer quando inserido em grupos de trabalho, quer quando se encontra a desenvolver trabalhos de natureza individual.

Espera-se assim, que depois de licenciado, o jovem adulto possua conhecimentos sólidos, detenha ferramentas de independência de raciocínio e seja uma pessoa com iniciativa.

Com a consciência de que o caminhar acompanhado é seguramente mais motivador e que uma Sociedade Científica deve servir de e para todos aqueles que querem contribuir para o crescimento da Terapia da Fala enquanto ciência, é com muito prazer que vos anuncio que a SPTF tem as portas abertas à vossa participação ativa.

Cá vos espero!

Paula Correia

TIPO DE ASSOCIADOS

Podem ser associados da Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala terapeutas da fala, estudantes de Terapia da Fala e outros profissionais, estudantes ou instituições/organizações que promovam, desenvolvam ou pretendam desenvolver atividades de investigação na área da Terapia da Fala. A SPTF tem as seguintes categorias de associados:

  • Membros Fundadores: os associados que constituíram a comissão fundadora da STF. Os associados fundadores são membros efetivos por inerência;

  • Membros Efectivos: os membros fundadores e terapeutas da fala que sejam admitidos nesta categoria a requerimento dos próprios;
  • Membros Agregados: todos os associados que sejam licenciados em áreas científicas afins aos domínios da Terapia da Fala, estudantes de Terapia da Fala e áreas científicas afins, com interesse no desenvolvimento de atividades científicas de forma cooperante e participada, que sejam admitidos com essa categoria a requerimento dos próprios;
  • Membros Correspondentes: terapeutas da fala, profissionais de áreas afins estrangeiros ou estudantes das áreas referidas, residentes no estrangeiro, que sejam admitidos com essa categoria a requerimento dos próprios;
  • Membros Honorários: os ex-Presidentes da Direção da STF, desde que cumpridos 2/3 (dois terços) do mandato e as individualidades ou instituições, nacionais ou internacionais, a quem a Assembleia Geral conferir tal categoria por proposta da Direção que pela valia do seu trabalho ou contributo relevante à STF, justifiquem a atribuição de tal distinção.

Poderá ser concedido o Título de Benemérito a qualquer pessoa física e jurídica, singular ou coletiva, que contribua com serviços relevantes ou doações à STF, sendo admitida com essa categoria em Assembleia Geral por proposta da Direção.

Consulte os nossos estatutos e o nosso regulamento.

“A SPTF surgiu para preencher a necessidade que havia de uma entidade que ajudasse a desenvolver e a promover investigação em todas as áreas da Terapia da Fala.

Sendo que a procura de conhecimento e a sua actualização são fundamentais para a nossa profissão, que se encontra em amplo crescimento, a SPTF ao longo dos seus poucos anos de existência tem dado um enorme contributo para este crescimento.

No meu caso em particular, em que a investigação faz parte do meu dia-a-dia, é com grande satisfação que vejo serem divulgados e incentivados trabalhos científicos de qualidade. Saliento ainda a disponibilidade permanente da SPTF para que os sócios possam participar em trabalhos e formações de elevado rigor científico”.

Filipa Miranda, Membro

CONTACTE-NOS

Gostaria de saber mais sobre a SPTF e como poderia tornar-se membro?

Preencha o formulário abaixo e iremos entrar em contacto.